O acordo de venda da Triumph Internacional de Sacavém põe em risco 530 postos de trabalho e leva o Presidente da Câmara Municipal de Loures, Bernardino Soares, a intervir junto do Ministro da Economia, alertando para a necessidade de uma intervenção no processo de transação de venda.

A fábrica da Triumph Internacional labora na região desde 1961 e, para além de ser uma importante unidade produtiva do concelho, é garante de mais de 500 postos de trabalho, agora em risco pela não garantia de continuidade de produção com o novo proprietário.

O presidente da Câmara Municipal de Loures manifestou a sua preocupação ao Governo, chamando a atenção para a necessidade de manutenção desta unidade fabril, o que exige intervenção governamental, e demonstrando o seu empenho numa solução que salvaguarde os interesses dos trabalhadores e do município.